Kairós: Um autêntico Pentecostes !

Kairós é uma palavra grega que designa um tempo especial da graça para os filhos de Deus. Nele Deus manifesta abundantemente as suas graças.

Nos dias marcados pelo Kairós podemos até ver Deus intervindo na história humana. No A.T. existem descrições de vários tempos especiais da graça. Um dos mais significativos é a libertação dos hebreus da escravidão egípcia. No N.T. podemos citar os momentos decisivos para a nossa salvação, que vão desde a concepção de Jesus, passando por sua ação pastoral, seus milagres, sua morte, ressurreição e ascenção.

Este Kairós continuou com a vinda do Espírito Santo para os Apóstolos e seus companheiros, impulsionando-os para missões evangelizadoras, possibilitando a organização da Igreja e sua consolidação ao longo dos séculos.

Hoje, quando o Espírito Santo repete entre nós muitos dos sinais bíblicos apostólicos - conversão, ardor missionário, manifestação de carismas, curas,  milagres, fortalecimento da Igreja, amor à Igreja, dentre outros - indica que estamos vivendo um grande, maravilhoso e necessário Kairós. A nós cabe aproveitá-lo ao máximo e ensinar os outros a fazerem o mesmo.

 

 

‘O Tempo de Deus’

Gênesis 21.2: “E concebeu Sara e deu a Abraão um filho na sua velhice, e ao tempo determinado, que Deus lhe tinha dito”.

Há pouco tempo atrás, ao estudar a vida do patriarca Abraão, seus altos e baixos, detive-me em determinado trecho da narrativa bíblica, e meditava acerca do tempo de Deus. Aquele patriarca esperou vinte e cinco anos desde a promessa feita em Gn 12.4, para ver seu cumprimento. ‘Bom é o senhor para os que se atêm a Ele’ (Lm 3.25). Creio firmemente que em sua onisciência, o Deus Todo-poderoso determina soberanamente o seu tempo para cumprir fielmente suas promessas. É certo também que há um plano divino, eterno, que inclui propósitos e atividades de todo ser humano neste mundo. Ele participa dos acontecimentos aqui na terra e intervém para salvar seus servos fiéis do mal, cumprindo seus propósitos redentores. Ele está no controle de todos os acontecimentos ao nosso redor.

Será que Deus está sujeito ao nosso tempo? Gn 1.14 descreve o seguinte: ‘E disse Deus: haja luminares na expansão do céu, para haver separação entre o dia e a noite; e sirvam eles para sinais e para tempos determinados e para dias e anos’; o tempo foi estabelecido pelo Criador, e como toda a criação, à Ele está sujeito. O Deus que criou todas essas coisas com suas respectivas funções, pode também interagir neles visando o cumprimento de seus propósitos. O que diremos então diante do milagre excepcional descrito em Josué 10.12-15? ‘Então, Josué falou ao Senhor, no dia em que o Senhor deu os amorreus na mão dos filhos de Israel, e disse aos olhos dos filhos dos israelitas: sol, detém-te em Gibeão, e tu lua, no vale de Aijalom. E o sol deteve-se, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isso não está escrito no Livro do Reto? O sol, pois, se deteve no meio do céu e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro. E não houve dia semelhante a este, nem antes nem depois dele, ouvindo o Senhor, assim, a voz de um homem; porque o Senhor pelejava por Israel.’

Ainda poderia citar Isaias 38.8 onde o Senhor operou tremendo milagre afim de sinalizar a Ezequias que Ele ouvira a oração e vira as lágrimas daquele rei e que o curaria: ‘eis que farei a sombra dos graus, que passou com o sol pelos graus do relógio de Acaz, volte dez graus atrás. Assim, recuou o sol dez graus pelos graus que já tinha andado.’

O tempo tal qual conhecemos, com seus dias, meses e anos, horas, minutos e segundos, está sob direção de Deus, é sujeito a Ele e é para Ele um instrumento para agir em nossa vida a fim de edificar-nos até a estatura de varão perfeito à medida de Cristo.

Tempo, do grego ?????? (kairós) significando medida de vida, proporção devida, um período fixo ou definido e às vezes um ‘tempo’ oportuno ou apropriado; Há ainda ?????? (Chronos) significando ‘espaço de tempo’, e ??? (hõra) Significando qualquer hora, momento. No hebraico temos: ?? (‘et) com sentido de período de tempo, tempo designado, tempo certo, estação. Esta palavra aparece também em outras línguas semíticas como o fenício, árabe e acadiano. Ocorre cerca de 290 vezes na Bíblia em todos os períodos: ‘Então, perguntou o rei aos sábios que entendiam dos tempos’ (Et 1.13); ‘...e tropeçarão no tempo em que eu os visitar, diz o Senhor’ (Jr 8.12); ‘Deus julgará o justo e o ímpio; porque há um tempo(??-‘et)  para todo intento e para toda obra’ (Ec 7.17); ‘et é usado para designar o tempo apropriado ou satisfatório para determinada atividade na vida; ‘tudo fiz formoso em seu tempo’ (Ec 3.11). Deus está no controle do tempo, muito embora, sua posição no terceiro céu, o paraíso de Deus revelado a Paulo em 2 Co 12, não sofra os efeitos do tempo, pois lá é eternidade, um eterno ‘agora’. Embora esteja numa dimensão não sujeita ao tempo terrestre, Ele o controla de tal maneira, que já desde o princípio, o tempo de todas as coisas estão determinados. O que o crente deve fazer então, já que para tudo está determinado um tempo? Entregar-se! Deixar que o Espírito Santo leve a efeito o plano de Deus em sua vida e ter cuidado para não se afastar da vontade de Deus perdendo a oportunidade quanto ao propósito divino para a sua vida: ‘tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu’ (Ec 3.1). Ao entregar-nos totalmente ao Senhor e ficarmos em sua dependência, nos enquadramos na Escritura de Ec 8.5 e 6 que diz: ‘Quem guardar o mandamento não experimentará nenhum mal; e o coração do sábio discernirá o tempo e o modo. Porque para  todo o propósito há tempo e modo. Porquanto o mal do homem é grande sobre ele.’

Tudo devemos entregar ao Senhor, pois somos incapazes de guiar-nos sozinhos. E como o faríamos? Não sabemos discernir o que há de suceder e como haja de suceder! Só o Senhor poderá cumprir seus propósitos e no tempo exato, previamente determinado. Há tempo para tudo, e o seu tempo não é o nosso; somos imediatistas, Deus é paciente e sabe agir no tempo certo, quer seja ele ?????? (kairós); ?????? (Chronos); ??? (hõra) ou ?? (‘et)! ÔH! GLÓRIA!

Espere o tempo de Deus! Ele vai agir poderosamente em tua vida!